Com certa freqüência recebo o seguinte questionamento de alunos e empresas – “Bruno, qual o melhor Sistema Operacional? Qual o mais seguro?” Bom, sem titubear respondo – “O melhor Sistema Operacional não existe, o que realmente existe é o que e como você pretende utilizá-lo. A segurança do Sistema Operacional é desenvolvida e implementada/aplicada por você, de acordo com as regras do jogo”.

Não basta “subir” um servidor, você precisa observar de forma clara e encarar cada servidor como um projeto, sim, no estilo Gestão de Projetos. É necessário definir quais as características, quais serviços e aplicações este servidor irá prover. Pensar no ciclo de vida do Sistema Operacional, nos requisitos básicos de cada aplicação e principalmente, instalar somente o necessário para o bom funcionamento e desenvolvimento do seu projeto neste servidor.

Outra dica importante é a seguinte, não sair instalando de forma desordenada vários serviços desnecessários no servidor para que o mesmo sirva como “redundância” em situações críticas. Preocupe-se em manter um espelho do seu servidor. Nos dias atuais, máquinas virtuais estão à nossa disposição, serviços na nuvem (cloud), mas, por favor, não vamos repetir o mesmo erro quando utilizávamos apenas servidores físicos em ambientes virtuais né?

No quesito segurança, procure sempre “papers” ou orientação do próprio fabricante nos quais possam ajudar você a fazer HARDENING (blindar) no seu Sistema Operacional. Diversos papers explicam de forma bem assertiva como tomar uma ação de proteção antes de colocar o servidor em produção. Ah sim, o seu servidor precisa de um monitoramento diário, observo muitos profissionais de TI e empresas simplesmente colocando o servidor em produção e depois, bom, depois é como se tivesse um robozinho que automaticamente irá executar tudo sozinho. Sinto informar, isso não existe.

Programe janelas para validar servidores secundários/espelhos para validar se a replicação dos dados está de acordo em caso de uma falha dos servidores principais, tenha em mente que validar o backup é muito importante e essencial, mas aí é papo para um outro artigo!

Enfim, é você quem faz o diferencial em relação no Sistema Operacional e não o Sistema Operacional em relação a você.

Grande abraço para todos vocês!

#teamfernandacarvalho

© 2018 Sinergia Consultoria e Soluções.